Área de Associados


X    fechar
Webmail


X    fechar
Webmail


X    fechar
Extensões de Base
X    fechar


Boletim Eletrônico

10 de Julho de 2018

Demanda se aquece após volume da laranja precoce diminuir


Segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Agropecuária (Cepea), como o volume de precoces já se reduziu, a procura pela fruta tipo pera tem se intensificado

Mesmo com a maior procura pela laranja in natura, os produtores rurais não têm conseguido ofertar as variedades com o padrão de qualidade demandado pelo segmento.

Segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Agropecuária (Cepea), como o volume de precoces já se reduziu, a procura pela fruta tipo pera tem se intensificado.

Entre os dias 2 e 6, a fruta foi negociada a R$ 26,04 a caixa de 40,8 quilos, na árvore, praticamente estável (-0,7%) em relação ao período anterior.

No caso da lima ácida tahiti, produtores interromperam novamente a colheita da variedade, no intuito de impulsionar os preços. O produto foi negociado a R$ 24,58 a caixa de 27 quilos, colhida, alta de 10,8% em relação à semana passada.

Fonte: Canal Rural.


Mais Notícias



Fale Conosco

(44) 3220-1550


Rua Piratininga, 391 - Edifí­cio Lavoura - Fax (44) 3220-1571 - CEP 87013-100

Maringá - Brasil


 
Via Site