Área de Associados


X    fechar
Webmail


X    fechar
Webmail


X    fechar
Extensões de Base
X    fechar


Boletim Eletrônico

18 de Fevereiro de 2020

Paranaenses apostam nas raças Hereford e Braford

Criadores de bovinos de corte que estão apostando nas raças Hereford e Braford colhem os resultados positivos desta decisão. No Paraná, conforme números da Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), o plantel é formado por cerca de 9,39 mil animais registrados das duas raças, sendo 2,47 mil do Hereford e 6,92 mil do Braford. E o potencial, segundo os produtores paranaenses, é grande para o fomento e a expansão das raças no Estado.

Um exemplo é o criador Ademir Hoinaski Filho, da Fazenda 2A, de Honório Serpa (PR), que há pouco mais de dez anos veio ao Rio Grande do Sul para ver um leilão da Temporada de Primavera da Pecuária Gaúcha, onde adquiriu 30 fêmeas da raça Braford. “Até então, nunca tinha visto pessoalmente esta raça, o encantamento foi instantâneo, e dali para frente viemos selecionando e aumentando o plantel", observa, complementando que depois começaram a ser adquiridas as primeiras fêmeas da raça Hereford. “De lá para cá, buscamos genética de ponta várias vezes no Rio Grande do Sul para formarmos o nosso plantel".

Para Hoinaski, os paranaenses se tornaram os maiores compradores dos gaúchos nesta última década, o que demonstra a aceitação das raças no Paraná. "Com certeza as raças Cara Branca, como são chamadas aqui, caíram no gosto dos criadores. Observamos nas pistas estes animais estão sempre entre os lotes mais valorizados dos remates", destaca, acrescentando que já realizou leilões da Fazenda 2A nos quais observou uma aceitação acima das expectativas, com ótimas médias e público variado de muitos municípios.

A difusão das raças Hereford e Braford no Paraná está ocorrendo por meio de eventos e palestras que mostram as características dos exemplares, além de fomentar o programa de carne com o frigorífico Novicarnes em Pato Branco. Em 2016, foi fundado o Núcleo de Criadores de Hereford e Braford Força Cara Branca (NFCB), no qual Hoinaski é o presidente. "A entidade vem fomentando as raças desde então, com amostras genéticas em feiras, julgamentos oficiais, remates e palestras, sempre visando difundi-las. Vejo com muito otimismo a pecuária paranaense, pois o sistema de criação se desenvolveu bastante e junto com ele as ração também irão crescer", salienta.

Já no município de Palmeira fica a propriedade de Pedro Henrique Klimovicz Gomes, a Fazenda Santa Fé. Desde os tempos de seu avô, o Hereford já fazia parte da criação da família. "Naquela época já se usava os touros Hereford na vacada geral e também tínhamos um rebanho puro de vacas Hereford. No final da década de 1990 começamos a registrar o gado. E mais ou menos em 2005 vimos o julgamento de rústicos na Expointer e observamos as fêmeas Braford. Eu me encantei com o gado e ali decidi também criar o Braford, inclusive compramos o trio grande campeão da feira", conta, acrescentando que a família tinha a criação de outras raças e a partir daí optou pelo Hereford e Braford.

Gomes ressalta que o mercado do Paraná, especialmente para o Braford, é muito forte, pois é a porta de entrada para o Centro Oeste. O criador, que também preside o Núcleo dos Campos Gerais de Criadores de Hereford e Braford, de Guarapuava (PR), frisa a parceria entre os núcleos do Estado na organização de exposições e promoção das raças. “Temos quatro eventos ranqueados no ano, em Francisco Beltrão, Londrina, Pato Branco e Mangueirinha. Cada vez mais cresce a procura por touros das duas raças. São duas baitas raças, não tem o que falar, cada vez temos certeza de que vão crescer mais”, afirma.

Fonte: Agrolink



Mais Notícias



Fale Conosco

(44) 3220-1550


Rua Piratininga, 391 - Edifí­cio Lavoura - Fax (44) 3220-1571 - CEP 87013-100

Maringá - Brasil


 
Via Site