Área de Associados


X    fechar
Webmail


X    fechar
Webmail


X    fechar
Extensões de Base
X    fechar


Boletim Eletrônico

31 de Janeiro de 2018

Balanças comerciais do Brasil e Paraná contabilizam superávit em 2017


A balança comercial brasileira registrou saldo positivo recorde de US$ 67 bilhões em 2017, superando em 40,49% o saldo de 2016. As exportações totalizaram US$ 217,7 bilhões e as importações US$ 150,7 bilhões, o que representa um aumento de 17,55% e 9,59%, respectivamente, em relação ao ano anterior, segundo dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC). As exportações do agronegócio somaram US$ 96,01 bilhões, o que corresponde a 44% do total exportado pelo Brasil. O complexo soja é o destaque do setor com US$ 31,72 bilhões em valor exportado.

A balança comercial do Paraná teve superávit de US$ 6,56 bilhões e crescimento de 61% em relação a 2016. O valor exportado foi de US$ 18,08 bilhões, alta de 19% em relação a 2016. As importações cresceram 4% somando US$ 11,52 bilhões. O valor exportado pelo agronegócio paranaense atingiu US$ 13,63 bilhões, 75% da exportação total do Estado. O complexo soja também é a principal cadeia do agronegócio no Paraná, com valor exportado de US$ 5,66 bilhões em 2017.

BRASIL

Exportações

Em 2017, do total exportado, 44,12% concentrou-se em 10 produtos dos quais 8 estão relacionados com o agronegócio e representam 28,8% das exportações nacionais .

Liderando o ranking das exportações, o complexo soja tem a China como seu maior importador com US$ 20,6 bilhões, seguido da União Europeia com US$ 4,6 bilhões. A China teve um crescimento nas importações do Brasil de 27,6% no ano de 2017 em relação a 2016, e lidera a lista de países importadores com US$ 26,58 bilhões (27,68%), tendo também expressiva importação de produtos florestais (US$ 2,8 bi) e carnes (US$ 1,8 bi).

A União Europeia totalizou importações, em 2017, de US$ 16,95 bilhões, distribuídos principalmente no complexo soja (US$ 4,6 bi), café (US$ 2,5 bi) e produtos florestais (US$ 2,7 bi). Este último também aparece na lista de produtos exportados para os Estados Unidos, representando 35% dos US$ 6,7 bilhões de exportações totais. Os produtos florestais são acompanhados pelo café, complexo sucroalcooleiro e de sucos na lista dos itens mais exportados pelo Brasil aos EUA. Japão e Hong Kong juntos registraram US$ 5 bilhões de importações com grande concentração em carnes, café, cereais e soja.

Importações

Na lista dos 100 principais produtos importados pelo Brasil em 2017, que representam 55% do total, a liderança é do óleo diesel (US$ 5,6 bi), seguido das naftas para petroquímica (US$ 3,4 bi) e dos óleos brutos de petróleo (US$ 2,8 bi). A pulverização entre todos os produtos é grande e cada um tem uma pequena representatividade do total. Individualmente a ureia encabeça a lista de produtos do agronegócio com importações de US$ 1,24 bilhão e é o produto em 12º colocado na lista dos 100 mais, porém na soma de todos os fertilizantes o total é de US$ 7,33 bilhões, representando 4,86% do nacional.

O trigo se destaca no ranking das importações do agronegócio ocupando a 2ª posição no setor e a 16ª posição geral com 6 milhões de toneladas e US$ 1,15 bilhão. Apesar da baixa produtividade nacional e da necessidade de importação, houve queda de 12,38% na quantidade e 14% no valor quando comparada com 2016. Esta diferença evidencia também a redução nos preços de comercialização entre 2016 e 2017.

PARANÁ

Em 2017, a balança comercial paranaense teve o 3° ano consecutivo de superávit, atingindo US$ 6,56 bilhões e crescimento de 61% em relação a 2016. O aumento de 19% no valor exportado (US$ 18,08 bilhões) foi acompanhado por um aumento de 4% no valor das importações (US$ 11,52 bilhões). O valor total exportado pelo Paraná em 2017 foi o 2º maior da série histórica, atrás apenas de 2013 quando foram exportados US$ 18,24 bilhões. Apenas 100 produtos respondem por 90% do valor exportado pelo Paraná, e desses, 57 são produtos do agronegócio.

A taxa de câmbio média em 2017 foi de R$ 3,19 contra R$ 3,48 em 2016 (redução de -8%). No entanto, o real valorizado não foi suficiente para impactar negativamente as exportações brasileiras dos produtos agropecuários. O crescimento do valor exportado se deu principalmente em função do aumento da quantidade embarcada da maioria dos produtos agropecuários que tiveram aumento de demanda por parte dos principais importadores em 2017.

A balança comercial do agronegócio paranaense teve superávit de US$ 12 bilhões em 2017 superando em US$ 2,4 bilhões o saldo de 2016. Em termos percentuais, houve aumento de 25% no superávit do agronegócio de 2017 em relação a 2016. O Paraná exportou US$ 13,63 bilhões em produtos do agronegócio em 2017, o que representou 14% dos US$ 96 bilhões exportados pelo Brasil. O estado é o terceiro maior exportador do agronegócio nacional. São Paulo lidera o ranking com o complexo sucroalcooleiro e Mato Grosso vem na sequência com o complexo soja. Houve aumento de 18% no valor exportado pelo Paraná em comparação com 2016.


Mais Notícias



Fale Conosco

(44) 3220-1550


Rua Piratininga, 391 - Edifí­cio Lavoura - Fax (44) 3220-1571 - CEP 87013-100

Maringá - Brasil


 
Via Site